Saúde em Pauta

Posted by GWC Seu Portal Eco Cultural Informativo on 09:28 with No comments

CIRURGIAS EM ADOLESCENTES
A opção por cirurgia plástica em adolescentes exige paciência e uma análise comportamental aprofundada, e só deve ser considerada quando o problema a ser corrigido esteja, de fato, afetando o relacionamento social do jovem. 
As questões em torno das cirurgias realizadas, segundo alguns estudos são provenientes de bullying, contra esse jovem e daí vem a obsessão com a estética.
A fim de resolver aquele "problema" ele acaba acreditando que a cirurgia é a melhor opção para melhorar sua auto-estima e a parar com a "tiração" dos colegas.
Essas atitudes que passam pela ridicularização do ser humano e não pela humanização e solidarização do próximo, acaba fazendo com que os índices de cirurgia, inclusive a bariátrica, por exemplo, aumenta consideravelmente a cada dia em busca do corpo perfeito.
Cirurgia bariátrica, refere-se a diversos procedimentos cirúrgicos destinados a auxiliar a perda de peso, limitando a quantidade de comida que alguém come ou a absorção que ocorre durante a digestão. Ela tem sido usada por vários anos para tratar a obesidade em adultos.
Novos estudos revelam que a cirurgia bariátrica pode resultar em significativa perda de peso em adolescentes com obesidade severa, mas também esse tipo de cirurgia é indicado para o jovem acima de 18 anos. Mesmo as relacionadas aos pequenos caprichos estéticos, entre eles, lipoaspiração, prótese mamária e rinoplastia.
A busca pelo bem-estar com o corpo é uma prática saudável, mas é preciso evitar todo tipo de abuso, seja com cirurgias, seja com maquiagens, bronzeador, piercings ou malhação, por exemplo.
Cirurgia plástica em adolescentes exige atenção redobrada. O que o jovem quer hoje pode não ser o que espera amanhã. É preciso ter paciência e exercitar a disciplina até a cirurgia se mostrar realmente necessária.
Existe também a questão da "feiura" imaginária. A pessoa se olha no espelho e se vê deformada. 
É um problema de difícil diagnóstico, e exige ajuda psiquiátrica, como o cantor Michael Jackson como exemplo. "Existe limite para beleza e vaidade". Ama-se mais do jeito que você é!
Alguns especialistas no caso da cirurgia bariátrica, acreditam que seria interessante testar o balão intra-gástrico para pacientes adolescentes, visto que não é um procedimento tão evasivo e também as modificações não são por toda a vida. O balão intra-gástrico fica apenas alguns meses no estômago, limitando a quantidade de comida ingerida. Depois de um tempo é retirado e o estômago “volta ao normal. Estudos revelaram que não é efetivo pois a recidiva de ganho de peso é alta. Mas vamos pensar: em pacientes adolescentes, se houver um acompanhamento multidisciplinar cuidadoso, quem sabe não teríamos efeitos satisfatórios evitando assim uma cirurgia?
Um transtorno cada vez mais frequente em adultos e também em jovens. 
A dismorfofobia, que afeta 14% das pessoas que já fizeram alguma intervenção estética, é um incômodo exagerado com a aparência e geralmente é associado à anorexia e TOC (transtorno obsessivo-compulsivo), mas esses iremos falar no próximo post!
Acreditamos que a melhor maneira de agir antes de realizar uma cirurgia é conversar com seus pais, médicos das especialidades envolvidas, para avaliar o real grau da sua necessidade cirúrgica.
By Bel Peixe
SAÚDE FEMININA


Preserve a flora intestinal
O hábito de ingerir alimentos saudáveis e equilibrados ao organismo é essencial para atingir o bem-estar e contribuir para uma longevidade saudável.
E além disso, o seu intestino agradece, mas quando o intestino não funciona direito, isso causa muito desconforto e incômodo. Muitas mulheres acabam sofrendo com essa situação, pois acabam tendo problemas de disfunção intestinal.
Para acabar com este tipo de problema, devemos adotar hábitos mais saudáveis, começando por uma alimentação sadia que ajude a preveni-lo e equilibrando a flora intestinal.
Alguns produtos como, o álcool, cafeína, produtos químicos e agentes irritantes causam danos para o nosso intestino.
Alguns alimentos que atuam equilibrando a flora intestinal.
São eles:
1.Trigo, aveia, cevada: Proporcionam uma consistência normal para as fezes, prevenindo a diarréia e o intestino preso.
2.Iogurtes com probióticos: Os alimentos probióticos estimulam a multiplicação das bactérias boas do intestino e alguns aumentam a absorção de nutrientes.
3.Soja: Atua na reconstrução epitelial.
Saiba mais sobre o Poder da soja
4.Ovo: A gema do ovo possui o ácido pantotênico, que, em conjunto com o ácido ascórbico, atuam na formação do colágeno.
5.Frutas cítricas: A acerola, limão, laranja também atuam na formação do colágeno.
6.Alho e cebola: Possuem cisteína, que eleva o poder antioxidante.
7.Castanha-do-pará: Possue selênio, excelente antioxidante, que atua na reparação da mucosa afetada.
8.Levedo de cerveja: Fonte de complexo B disponível para consumo.
9. Óleos vegetais: Contem vitamina E, que, em conjunto com o selênio, elimina os radicais livres.
10.Nozes: Fonte de zinco e de manganês, que age na reparação da mucosa intestinal.
Adote uma dieta mais saudável, incluindo alguns dos alimentos acima e viva mais feliz!
Desequilíbrio da Flora Intestinal
A alimentação é um fator primordial para manter o equilíbrio da flora intestinal. Se não houver um hábito de mastigar bem os alimentos, eles chegarão mal digeridos no intestino, causando problemas como:
Menor absorção dos nutrientes, uma vez que o organismo absorve partículas simples e menores.
O alimento mal digerido acarreta em uma maior multiplicação de bactérias ruins, devido à fermentação que é causada por estes alimentos mastigados de forma incorreta, disputando espaço com as bactérias benéficas.
Ingerir líquidos durante as refeições também prejudica o bom funcionamento do intestino. O líquido ingerido altera o ph do sistema digestivo e dissolve o ácido clorídrico do estômago contribuindo para que as bactérias maléficas se proliferem.
O uso de medicamentos antiflamatórios,anticoncepcionais e antibióticos, com frequência, causa problemas na parede intestinal, se não forem usados por prescrição médica.
Defecação
O reto, parte final do intestino grosso, fica geralmente vazio, enchendo-se de fezes pouco antes da defecação.
A distensão provocada pela presença de fezes estimula terminações nervosas do reto, permitindo a expulsão de fezes, processo denominado defecação.
By Bel Peixe
CUIDADOS COM O SOL
Evite tomar sol entre 11h e 16h ( no horário de verão), o sol em excesso pode ser muito prejudicial ao organismo, podendo gerar câncer de pele.
Mesmo nos dias nublados use sempre filtro solar. Proteja sua pele em todas as atividades ao ar livre.
Fique atento aos sintomas de Câncer de pele:
Calombos brilhantes, avermelhados, castanhos, rosados ou de várias cores.
Pintas pretas ou castanhas que aumentam de tamanho.
Manchas ou feridas que coçam ou sangram.
Bronzeadores e Protetores Solares
Independentemente do tipo da sua pele, você deve sempre usar um filtro solar adequado e utilizar nossas dicas:
1. Passe o filtro pelo menos meia hora antes de se expor aos raios solares 
2. A cada 2 horas faça uma nova aplicação do filtro solar. 
3. Não esqueça de aplicar o filtro também nas mãos,orelhas, pálpebras e pés, que recebem a mesma incidência do sol. 
4. Utilize também protetor labial e protetores para o cabelo para amenizar os efeitos da água do mar.
Evite manchas na pele
Não manuseie limão e laranja em contato com o sol, pois eles contém substâncias que provocam queimaduras com bolhas e manchas. Após saborear aquela deliciosa caipirinha lave bem as mão e a boca antes de se expor ao sol.
INSETOS
Não se esqueça de levar na bagagem um bom repelente, de preferência natural, para que aqueles insetos insuportáveis não estraguem sua viagem.
EXERCÍCIOS NA PRAIA
Exercícios na praia são uma prática muito saudável, mas comece devagar, sem exageros e faça alongamento antes pois a areia fofa pode provocar lesões.
Não se esqueça de ingerir bastante líquido e manter o corpo bem hidratado, pois sob sol forte o corpo transpira muito mais.
ANDAR DESCALÇO NA PRAIA
Ao andar descalço na praia cuidado com a areia quente e também com as doenças provocadas por larvas ou fungos que se escondem na areia. De preferência use um chinelo leve e confortável
CUIDADOS COM O MAR
Praia de Itanhaém - Litoral Sul de São Paulo - Brasil
Se você não conhece a praia não nade aonde o nível da água ultrapasse a altura do peito, para não ficar a mercê da ação das correntes.
Em dias de ondas fortes evite entrar no mar e procure praias mais abrigadas.
Caso a praia possua salva-vidas peça orientação sobre as condições do mar e os melhores lugares para banho.
Sempre respeite o mar e não ultrapasse seus limites.

CHOCOLATE DIET OU LIGHT
Dados do IMETRO, ( Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial ) mostram bem essa questão.
De acordo com a legislação:
Termo Diet pode, opcionalmente, ser utilizado em alimentos produzidos para indivíduos com exigências físicas e/ou que sofrem de doenças específicas como, por exemplo, Diabetes. Nesses casos podem ser incluídos - alimentos indicados para as dietas com restrição dos nutrientes: carboidrato, gordura, proteínas e sódio – alimentos exclusivamente empregados para controle de peso – alimentos para dieta de ingestão controlada de açúcar.
O termo Light, por sua vez, pode, opcionalmente, ser utilizado em alimentos produzidos de forma que sua composição reduza em, no mínimo, 25% o valor calórico e os seguintes nutrientes: açúcares, gordura saturada, gorduras totais, colesterol e sódio comparado com o produto tradicional ou similar de marcas diferentes.
Portanto, com a retirada ou redução de algum nutriente, o alimento pode apresentar uma diminuição de calorias, e o consumidor que deseja emagrecer deve estar atento à tabela nutricional, que é obrigatória para estes produtos, e verificar se esta redução é significativa e justifica a substituição do alimento convencional pelo diet ou light, que costumam ser mais caros que os convencionais.
O consumidor deve ficar atento também para os alimentos que são considerados Light, pois, além da redução de, pelo menos, 25% do nutriente, esta redução deve significar, no mínimo, uma quantidade absoluta do mesmo. No caso de alimento sólido, por exemplo, no que se refere ao valor calórico, que é o caso mais comum, o valor total da redução deve ser, no mínimo, de 40 calorias para cada 100g de alimento e para os líquidos esse valor deve ser, no mínimo, de 20 calorias para cada 100ml.
É importante que fique claro que nem todos os produtos denominados como diet apresentam diminuição significativa na quantidade de calorias e, portanto, devem ser evitados pelas pessoas que querem emagrecer. Um exemplo clássico é o chocolate diet que apresenta teor calórico próximo ao do chocolate normal. O chocolate diet é indicado para as pessoas diabéticas pois é isento (restrito) em açúcar, mas não para as pessoas que desejam reduzir de peso, já que no chocolate diet há uma maior adição de gordura, o que faz com que seu valor calórico se aproxime ao do chocolate normal.
"QUERO CHOCOLATE"


Quem nunca teve um dia de ruim e acabou descontando todo o estresse em cima do namorado (a) e resolveu todos os seus conflitos devorando uma barra inteirinha de chocolate? Pode até ser que isso não ponha um fim nos seus problemas, mas, vai dizer que um chocolate não te faz ver o mundo de uma outra forma? O Brasil é o sétimo país no ranking dos maiores consumidores de chocolates, perdendo apenas para países do “Primeiro Mundo”. 
Pode parecer mentira, mas essa doce tentação traz alguns benefícios à saúde! Conhecido como o maior rival daqueles que lutam contra a balança, o chocolate ajuda a diminuir a ansiedade, estimula a concentração e alivia a dor de cabeça, segundo pesquisas recentes. Há, ainda, quem diga que ele ajuda a reduzir os riscos de doenças cardiovasculares, pois possui antioxidantes que atuam nessa função. 
Flavonóides
(flavonóides - é o nome dado a um grande grupo de metabólitos secundários da classe dos polifenóis, componentes de baixo peso molecular encontrados em diversas espécies vegetais. Os diferentes tipos de flavonóides são encontrados em frutas, flores e vegetais em geral, assim como em alimentos processados como chá e vinho).
Tudo bem que cada 100 gramas dessa delícia fornece, em média, 530 calorias, mas muitos acreditam que vale à pena correr o risco. Os “chocólotras”, como são conhecidas as pessoas que não conseguem viver sem esse alimento, ainda defendem a “tese” de que ele é capaz de proporcionar uma sensação única e indescritível de bem estar. 
Para quem ainda duvidava, vale ressaltar que ele pode sim causar dependência por conter em sua fórmula a teobromina, a cafeína e a feniletiamina. Quanto à sensação de tranquilidade e felicidade, a explicação está no fato de ele conter alto teor de serotonina, substância presente nos antidepressivos e que tem sua função ligada diretamente à alteração do nosso humor.
Contudo, se a sua dúvida era a respeito das espinhas, esqueça essa história! Nenhum estudo comprova a relação entre o consumo de chocolate e o surgimento de espinhas.
Mas, quando o assunto é prazer, no sentido sexual da palavra, aí sim a lenda faz jus à realidade! Esse alimento libera endorfinas e encefalinas que produzem essa sensação!
Em relação aos produtos lights e diets: Como não tem açúcar na composição, o teor de gordura do "diet" precisa ser maior, para garantir a mesma consistência. Em alguns casos, ele chega a ser mais calórico que o chocolate comum, por isso é indicado apenas para diabéticos, não para pessoas com restrição calórica. Já os "light" tem menos gordura e, portanto, menos calorias. 
É importante que você saiba que a Organização Mundial de Saúde não recomenda o consumo de nenhum tipo de doce. Para quem não resiste, o importante é não ultrapassar o limite diário de até 50 gramas, em função dos altos teores de açúcar e gordura. Vale lembrar que esse limite é indicado para uma pessoa que não apresenta problemas de saúde.
Depois de todas essas razões, a escolha é sua. Para quem já desistiu de lutar contra essa tentação, a dica é optar pelas suas versões amargas, que contém menos gordura. Afinal, é Páscoa e já existem no mercado diversas novidades que te ajudarão a manter a forma sem sofrer tanto durante esse período do ano!


A SOJA
Iniciamos a primeira década do século XXI com uma maior atenção aos alimentos funcionais, a soja, por exemplo, fornece nutrientes ao organismo e trás benefícios para a saúde. Pertence à família das leguminosas secas, como o feijão, lentilha, grão de bico e ervilha.
A soja, destaca-se por ser rica em proteínas lipídios, fibras, vitaminas e minerais. Contém uma classe de fito-hormônios chamada de isoflavonas que tem ação na prevenção de doenças crônicas degenerativas.
Países como o Japão, Estados Unidos, China, Europa e Brasil, comprovam os benefícios da soja na prevenção de doenças crônicas, conforme inúmeras pesquisas realizadas.
Outra comparação que as pesquisas trouxeram diz respeito a mulheres, pois a isoflavonas contidas na soja equilibra os hormônios. 
Apresentamos, a seguir, a informação nutricional do grão de soja, com as porcentagens de adequação (valor diário) dos principais nutrientes:
A soja auxilia no combate de doenças do coração, alivia os sintomas da osteoporose e no tratamento de alguns tipos de câncer. Os alimentos que são enriquecidos com soja podem ser consumidos, porque não têm contra indicação e faz muito bem para a saúde das pessoas. Não é porque os alimentos que contém soja possuem um gosto diferente que devemos excluí-los da nossa alimentação.
Na cozinha...
Os componentes da soja são capazes de alimentar e proporcionar inúmeros benefícios para a nossa saúde. Diversos pratos podem ser preparados com o grão da soja como ingrediente principal e, assim modificando o sabor e proporcionando um paladar mais apurado.
Em boa parte dos alimentos que consumimos a soja está presente, contribuindo para a boa saúde do nosso corpo. Inúmeros alimentos são misturados soja na sua composição, exemplos disso, é o iogurte de soja, suco de soja, carne, queijo de soja, leite, farinha, biscoitos, chocolates de soja entre outros alimentos enriquecidos com esse ingrediente. A soja é rica em fibras e proteínas. O óleo de soja é considerado bom, porque é rico em Ômega-3. 
É recomendada a ingestão de 25g por dia de proteína de soja, o equivalente a 60g de grãos de soja, para que haja o controle do colesterol e triglicérides, reduzindo assim os riscos de enfarto, trombose, aterosclerose e acidentes vasculares cerebrais.
By Bel Peixe
Cabelos
O QUE COMER PARA TORNÁ-LOS MAIS BONITOS
Também os minerais são importantes, principalmente o ferro encontrado em abundância na soja, no espinafre e no agrião. 
ESPINAFRE
AGRIÃO
Uma dica importante: para manter a cor natural dos cabelos, inclua muitas folhas verdes na sua dieta. Elas são muito ricas em enxofre, cuja ação benéfica é consagrada.
Entre as vitaminas, as mais recomendadas são a A, as do complexo B e a E, essa última, essencial para tratar o couro cabeludo e fortalecer os fios.
Evite açucar em excesso e também as gorduras, elas são importantes para estimular as glândulas sebáceas, mas não em demasia.
By Bel Peixe
...SALADA DE FRUTAS SEM EXAGEROS...
No século XXI, uma parte da humanidade está se cuidando mais e ao mesmos tempo em alguns países engordando mais. Essa questão é discutida e debatida em todas os veículos de comunicação, mas como informação nunca é de mais, vamos falar um pouco sobre as delícias e ideias maravilhosas para comer sem culpa, pelo menos sabendo quantas calorias possui cada delicia.
Alguém me disse...que essa sobremesa nem sempre é magra. Prepare-a com o que há de menos calórico.

Receita
1/4 de maça + 1 fatia de papaia + 1 fatia de manga
+ 1/2 laranja picada + 3 bagos de uvas
+ 1 morango +1/2 copo de suco de laranja
Cuidado! Caso queira incrementar sua salada de frutas, você aumenta suas calorias também, por exemplo, se você acrescentar frutas e os acompanhamentos com granola, pedaços inteiros de frutas e chantilly, pode chegar a mais de 303 Kcal.
Dica: Fique com uma salada de frutas simples e saborosa, desfrute-a com toda a sua vontade e sem exageros para não achar que está engordando. Fica a dica! 
aquiauAQUAIUAQUIAQUIAQUAIQUAQI
COBERTURA PARA QUE?
Pense bem antes de incrementar o sorvete com caldas, frutas ou farofa. Alguns itens têm mais calorias que o próprio sorvete.
1 colher de sopa de calda de chocolate contém 56Kcal
Estamos aqui apenas dando dicas de como comer com menos calorias e ficar de bem com a balança, aproveite as dicas e até a próxima. ...saiba mais aqui..
By Evelyn Funari e Karina Andrade (As fotos são meramente ilustrativas)
 Faça sua pergunta, tire sua dúvida, ou simplesmente faça seu comentário, aqui mesmo ai em baixo, pode fazer a gente responde.

OLHOS COLORIDOS
O que Leonardo da Vinci tem a ver com a descoberta das lentes de contato? Dizem os estudiosos, que na Itália em 1508, o grande artista,  inventor e visionário, teve tudo a ver com a ideia que futuramente levaria o conhecimento da lente. Como se não bastassem sua imensa contribuição artística e as mais diversas invenções em áreas como Engenharia, Botânica e Ciências, acredita-se que da Vinci (1452-1519) foi quem primeiro imaginou as lentes de contato. Isso porque o italiano idealizou um sistema capaz de neutralizar o poder da córnea com o auxílio da água. Em seu trabalho, da Vinci desenhou um homem com o rosto imerso em uma cuba cheia de água. Ao olhar através dela, os erros refrativos seriam corrigidos. “Hoje, sabe-se que da Vinci estava buscando, na realidade, um modelo de olho esquemático para comprovar que a imagem, ao penetrar no olho humano, sofre duas inversões, estando na posição correta ao atingir a retina. Por isso, o desenho nada tem a ver com o conceito atual de lentes de contato.
De verdade, em 1887 - Portanto, não foi nos tempos do descobrimento do Brasil, mas somente depois de alguns séculos que a idéia da lente de contato começou a aparecer. Em 1823, o astrônomo e físico inglês John Frederick William Herschel propôs a confecção de uma espécie de lente de contato para corrigir o astigmatismo irregular.Mas as primeiras lentes surgiram de fato somente em 1887 e tinham a finalidade de proteger os olhos em vez de corrigir a visão. Elas foram fabricadas graças a um pedido do professor da Universidade de Bonn, na Alemanha, Edwin Theodor Saemisch, ao fabricante de olhos artificiais, a F.A.Müller. Saemisch queria que Müller produzisse uma lente para proteger a córnea de um paciente que tivera as pálpebras retiradas cirurgicamente.
Daí para o século XXI, foram realizados vários estudos até chegar nas lente como conhecemos hoje. A variedade de lente é tamanha que existe, além das tradicionais, lentes que mudam as cores do olhos, passando por várias cores até o vermelho e lente que aumenta os tamanho do olhos, como as que utiliza a cantora Lady Gaga em um dos seus vídeos e que virou moda entre alguns adolescentes, Lembre-se o uso de qualquer tipo de lente deve ter acompanhamento médico oftalmológico, pois, o uso indiscriminado pode causar lesões irrevercíveis para seus olhos e sua visão. Cuide-se sempre!
Olhos coloridos também é uma música da Sandra de Sá, clique e assista..
COLUNA NOSSA DE TODOS OS DIAS
Pessoas...a matéria do Portal|GWC sobre nossa coluna vertebral, trás dicas de exercícios para mantê-la em ordem.
Aproveitem e fiquem sabendo quantas colunas temos!
A ORTODONTIA HOJE
 _ Você sabe qual a melhor idade para uma consulta com o Ortodontista?
_Sete anos de idade é uma boa idade para a avaliação da dentição. 
Uma consulta nesta idade permite que o Ortodontista planeje qual a melhor época de intervir nos pacientes que precisarem de tratamento. A maioria das más oclusões são mais facilmente e mais rapidamente tratadas durante a fase de crescimento. Se algum problema for notado antes desta idade a criança pode ser levada ao ortodontista assim que detectado o problema.
Perguntas e Respostas - Ortodontia 


1) Qual a melhor idade para uma consulta com o Ortodontista?
Sete anos de idade é uma boa idade para a avaliação da dentição. Uma consulta nesta idade permite que o Ortodontista planeje qual a melhor época de intervir nos pacientes que precisarem de tratamento. A maioria das más oclusões são mais facilmente e mais rapidamente tratadas durante a fase de crescimento. Se algum problema for notado antes desta idade a criança pode ser levada ao ortodontista assim que detectado o problema.
2) O que acontece se problemas ortodônticos não forem tratados?
Dentes mal posicionados podem facilitar o aparecimento de cáries e de doença gengival devido a maior dificuldade de se higienizar os dentes quando eles não estão bem alinhados. Dentes protruídos (dentes para frente) são mais susceptíveis a traumas e fraturas. Dentes desalinhados ou uma face afetada pela má oclusão podem prejudicar a auto estima do indivíduo. Perda de osso em volta dos dentes, dores musculares na face e outros problemas funcionais podem ocorrer devido a falta de tratamento ortodôntico. 
3) Adultos podem fazer tratamento ortodôntico?
Sim. Desde que haja saúde das estrutura em volta do dente a correção da posição dos dentes pode ser feita em qualquer idade. Não há idade limite para se iniciar o tratamento. Atualmente 25% dos pacientes são pacientes adultos. Existem aparelhos discretos que foram especialmente desenvolvidos os para o tratamento de adultos. A principal diferença entre o tratamento de adultos e crianças/adolescentes é o fato do adulto não apresentar mais crescimento ósseo, o que limita em alguns casos a correção total da má oclusão em casos de discrepância das bases ósseas. Nos adultos as discrepâncias significativas de bases ósseas normalmente só são corrigidas com cirurgias ortognáticas. 
4) Aparelhos ortodônticos causam manchas ou cáries nos dentes?
Normalmente não. Estes problemas só ocorrem nos pacientes que negligenciam a higiene bucal durante o tratamento. Todos os pacientes recebem instruções sobre como fazer a limpeza dos dentes e do aparelho e orientação para manter uma alimentação adequada durante o uso dos aparelhos. Hoje Existem materiais que previnem as cáries, como a "cola" utilizada para fixar os aparelhos fixos - elas já vem com flúor incorporado em sua fórmula, o que previne a descalcificação do esmalte dentário. 
5) Qual o melhor: aparelho fixo ou aparelho removível ?
Os dois tipos de aparelho funcionam bem desde que bem indicados. Normalmente os aparelhos removíveis são mais indicados antes da chegada de todos os dentes permanentes. Para que o aparelho removível atinja seu objetivo é necessário que o paciente seja colaborador e use o aparelho na maior parte do dia. 
Os aparelho fixo tem um resultado mais previsível por não contar tanto com a colaboração do paciente. Normalmente o tratamento com estes tipos de aparelho são mais rápidos do que com os removíveis. Por outro lado o paciente que utiliza o aparelho fixo deve tomar maior cuidado com a alimentação e com a higiene bucal. 
6) Os "Cisos" interferem na posição dos incisivos inferiores ?
Existem controvérsias sobre este assunto, mas a maioria dos artigos publicados sobre este tema indica que não. Parece que o apinhamento (mudança da posição) dos incisivos inferiores é causado por vários motivos, dentre eles os principais: 
a) Estreitamento da face, que ocorre ao longo de toda vida; 
b) Falta de desgaste dos dentes. Devido ao tipo de alimentação atual os dentes não sofrem desgastes e por isso não ficam mais estreitos como acontecia há centenas de anos atrás. Como a face se estreita e os dentes não, falta espaço. 
c) Crescimento terminal da mandíbula. A mandíbula apresenta um crescimento que coincide com a época de aparecimento dos "Sisos". Este crescimento faz com que os dentes inferiores mudem de posição ao serem forçados contra os dentes superiores. Como o siso ao nascer fica um pouco dolorido e o apinhamento dos incisivos coincide com esta fase, o paciente pensa que são os "sisos" que estão empurrando os dentes para frente. 
Obs: "Siso" é utilizado popularmente como abreviação de "dente do siso". Siso é sinônimo de Juízo. Este termo "dente do siso" ou "dente do juízo" surgiu porque os Terceiros molares aparecem aproximadamente aos 18 anos. 
7) Quanto tempo leva um tratamento ortodôntico?
Depende muito de cada caso. Fatores como severidade do problema, tipo de crescimento da face, idade e nível de cooperação do paciente, interferem no tempo de tratamento. Tratamentos mais simples como correção de mordidas cruzadas em crianças ou pequenos movimentos dentários em adultos duram aproximadamente 6 meses. A maioria dos tratamentos com aparelho fixo em adolescentes dura aproximadamente 24 meses. Tratamentos com aparelho fixo em casos que requerem extrações de dentes duram aproximadamente 30 meses. Após o tratamento da má oclusão (má posição dos dentes) é necessário o uso de um aparelho removível ou um dispositivo fixo para conter os resultados atingidos.
8 ) É necessário o uso de aparelho removível após o uso de aparelhos fixos ?
Após a correção dos dentes mal posicionados através dos aparelhos fixos (peças de metal ou de cerâmica coladas na parte externa de cada dente) é necessária a contenção da posição dos dentes por um determinado tempo. Isto é feito para que o tecidos ósseo e gengival se adaptem às mudanças na posição dos dentes. A contenção pode ser feita com aparelhos removíveis ou fixos (os fixos são colados na parte interna dos dentes). Nos caso onde são indicados aparelhos removíveis para contenção do tratamento ortodôntico é fundamental a colaboração do paciente para a estabilidade do tratamento. 
9 ) É necessário extrair dentes permanentes no tratamento ortodôntico?
Nos casos onde existe falta de espaço para o correto alinhamento dos dentes, o ortodontista vai avaliar todas as possibilidades para acertar a posição dos dentes sem extrações de dentes permanentes. Antes de ser ortodontista, todo ortodontista é um dentista, o qual tem o maior interesse em manter dentes sadios. No entanto nos casos onde a discrepância entre o tamanho dos dentes e o tamanho do osso é muito significativa, ou a diferença entre as bases ósseas (maxila e mandíbula) é muito evidente, pode ser necessário a extração de dentes permanentes. 
10) Os dentes ficam estáveis por toda vida após o tratamento ortodôntico?
Em muitos casos podem haver modificações nas posições dos dentes após a interrupção do uso dos aparelhos de contenção. Isto é devido às mudanças que ocorrem com o passar dos anos com os ossos e músculos da face. Assim como a pele se modifica através dos anos, normalmente aparecendo algumas rugas com o avançar da idade, podem ocorrer alterações nas posições dentárias. Estas alterações não devem ser consideradas recidiva do tratamento ortodôntico, pois mesmo indivíduos que nunca utilizaram aparelho, apresentam estes tipos de alterações. 
11) Os aparelhos estéticos mudam de cor ao longo do tratamento?
Existem diferentes tipos de aparelhos estético. Os mais simples (feitos de um material plástico) podem sofrer alteração de cor ao longo do tratamento. Os aparelhos feitos de porcelana ou de safira não alteram sua cor durante o tratamento. Além da questão estética, estes últimos são mais resistentes que os primeiros e portanto permitem um tratamento mais eficiente.
By Ana Laura
RTBG|Sua vida mais completa!
OSTEOPOROSE


Osteoporose é um enfraquecimento dos ossos que vai agravando-se a partir dos 35 anos e acentua-se durante os dez primeiros anos após a menopausa. Outros fatores também colaboram para o aparecimento da osteoporose: o uso de drogas (cortisona, anticoagulantes etc.), fumo, longos períodos de imobilização e distúrbios hormonais. 
QUAIS AS CONSEQÜÊNCIAS DESTE ENFRAQUECIMENTO? 
Ele pode levar a fraturas, até mesmo mortais ou que causam a invalidez. Essas fraturas podem ocorrer com grandes ou pequenos esforços. As mais freqüentes são as de vértebras, que provocam deformidade na coluna vertebral e perda de estatura. Saiba que 20% a 25% dos pacientes com esse tipo de fratura falecem nos seis primeiros meses. 
COMO PREVENIR 
* Adotar uma alimentação rica em cálcio
* Tomar sol corretamente
* Exercitar-se moderadamente 

* No início da menopausa, procurar seu médico para que ele possa examiná-la e medicá-la, se necessário
* Evite cigarro e álcool
* Não beba café em excesso.


COMO EVITAR FRATURAS 
* Procure guardar os objetos de casa na altura dos ombros
* Seja cuidadosa, evitando tropeçar ou cair
* Procure usar calçados baixos a maior parte do tempo
* Use uma bengala se achar que se equilíbrio está ruim 

* Cozinhas e banheiros com piso antiderrapante
* Escadas devem possuir corrimão
* Cuidado com medicamentos que possam causar tontura
* Caso use óculos, verifique se a graduação está correta
* Não carregue peso
* Não calçar sapatos, vestir meias ou calças, que dobre muito o tronco
* Não incline muito o tronco para pegar objetos no chão


Exercício e Osteoporose 
Qual é o papel que os ossos saudáveis desempenham na saúde e na mortalidade humana? Considere os seguintes dados: de acordo com os pesquisadores, a perda de massa óssea com o passar dos anos – ou osteoporose – mata mais mulheres norte-americanas do que o câncer de mama. A National Osteoporosis Foundation relata que a osteoporose causa, nos Estados Unidos, 1,5 milhão de fraturas ósseas anualmente em homens e mulheres com mais de 50 anos.
Ambos, homens e mulheres, sofrem de osteopenia – perda de minerais nos ossos, como resultado do processo de envelhecimento. O osso é um sistema de tecidos ativos e vivos, que se adaptam constantemente às mudanças hormonais, nutrição e estresse físico. A absorção de cálcio pelos ossos tende a diminuir com o passar dos anos, e o resultado é a diminuição da densidade óssea.
Várias pesquisas científicas apontam para os exercícios resistidos e contínuos como um importante fator preventivo deste mal, podendo minimizar ou retardar o processo de osteopenia. Por outro lado, aumentando a massa muscular e o equilíbrio, o exercício também diminui a possibilidade de quedas e conseqüentes fraturas.
Assim, a atividade física é considerada, nos dias atuais, um recurso importantíssimo no combate e revenção da osteoporose. 
ALGUMAS DICAS
* Exercícios com carga (musculação, por exemplo) são bastante indicados;
* Atividades ao ar livre (como uma caminhada) também oferecem vantagens, já que a vitamina D proveniente do sol (antes das 10 horas e após as 16 horas) auxilia a fixação do cálcio pelos ossos.
* No período pós-menopausa é importante fazer reposição hormonal, prescrita por um endocrinologista.

DORES NO CORPO
Todos nós já sentimos, pelo menos um vez na vida, algum tipo de dor, e quando ela chega, junto o desespero para que ela passe logo. Existem inúmeros tipos de dores, a de dente, de cabeça, de ouvido entre outras. A maioria das pessoas correm logo para a farmácia ou para a caixa de remédios e engole um analgésico, como aspirina, o paracetamol ou ibuprofeno. Estudos mostram no entanto, que as substâncias contidas em algumas plantas ou alimentos também são capazes de aliviar a dor.
Analgésicos Naturais
C E R E J A
CEREJA: De acordo com cientistas da Universidade Estadual de Michigam, EUA, comer 20 cerejas, alivia mais a dor do que aspirina. É essa quantidade de frutinhas que reúne entre 12 mg e 25 mg de um ingrediente ativo chamado antocianina, capaz de inibir enzinas que são alvos de anti-inflamatórios convencionais, mas em dose 10 vezes menor que a aspirina. A cereja também tem propriedades antioxidantes comparáveis à vitamina. E. O consumo diário da fruta é capaz de evitar dores relacionadas à inflamação, à gota e à artrite.
A B A C A X I
BROMELINA: Enzima encontrada no tronco do abacaxi. Anti-inflamatória, pode ser usada como um creme para tratar lesões musculares, distensão e luxação. A bromelina foi capaz de aliviar a dor de cabeça associada à sinusite. Estudo atestou que 87% dos pacientes com o problema disseram ter melhorado após a ingestão da bromelina.
C Ú R C U M A
CÚRCUMA: Contém o composto curcumina, um poderoso analgésico conhecido por bloquear proteínas inflamatórias e aumentar a capacidade de o corpo suprimir a inflamação. O tempero é usado no lugar anti-inflamatórios não esteróides sem nenhum efeito colateral para órgãos como estômago, coração, rins e fígado. Vários estudos atestam que a curcumina reduz a dor crônica da artrite. Recomenda-se de 400 a 600 mg de curcumina três vezes ao dia. Para melhorar a absorção, ela deve ser consumida com a mesma quantidade de bromelina, uma enzima anti-inflamatória encontrada no abacaxi, 20 minutos, antes das refeições.
Ó L E O  D E  P E I X E
ÓLEO DE PEIXE:Contém dois ácidos-omega-3 essenciais, o EPA e o DHA, conhecidos por bloquear a produção de substâncias químicas inflamatórias chamadas de citocinas e leucotrienos. São elas as responsáveis por uma por uma variedade de condições dolorosas, incluindo a artrite reumatóide, a sinusite e a gota. Pesquisas revelaram que comer 3g de gordura de peixe por dia ajuda a aliviar a dor nas juntas, inflamação e a rigidez associada com a atrite reumatoide, diminuindo a necessidade de medicamentos.
Ó L E O  D E  O L I V A
ÓLEO DE OLIVA: Possui uma substância que age como o analgésico ibuprofeno. O ingrediente ativo do azeite de oliva é o oleocantal, que age na mesma via química que os remédios. Pesquisadores concluíram que 50g de azeite de oliva extravirgem pode ser comparado a 10% da dose de ibuprofeno recomendada para aliviar a dor de um adulto. Embora não se possa curar dores de cabeça com alimento, o consumo regular de azeite traz os mesmos benefícios a longo prazo que o remédio.
Revista Teen Boys e Girls|Sua vida mais completa!
A q u e c i m e n t o  F í s i c o
Saúde em Pauta
Sem vitamina C, o ferro pode não ser aproveitado pelo corpo humano - Há vinte anos, entre 10% e 35% das crianças brasileiras com menos de três anos de idade eram anêmicas. A proporção variava conforme a região do país. Em 1992, um levantamento realizado pela Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo apontou que a situação se agravara terrivelmente: 55% dos paulistas em idade pré-escolar tinham anemia. Atualmente, são 80%. "Essa porcentagem elevadíssima indica que o problema não é privilégio das classes carentes", diz o médico nutrólogo Mauro Fizberg, professor da Universidade Federal de São Paulo. "A má nutrição é encontrada nas crianças das classes média e alta."
As causas do problema: A anemia não tem a ver diretamente com a falta de uma vitamina e, sim, com a ausência de um mineral — no caso, o ferro. "Uma das causas do aumento da incidência pode ser o desmame precoce", conta Fizberg. "Ao contrário do leite materno, o da vaca é uma fraca fonte de ferro." Outra suposta causa seria a dieta mal equilibrada — e esta pode ocasionar a falta de vitamina C.
O que seria do feijão sem a laranja, sem vitamina C, visto que a quantidade de ferro fornecida pelos vegetais é irrisória. Qualquer análise de laboratório mostra que o feijão, por exemplo, é rico em ferro. No corpo humano, porém, a sua contribuição é pequena: o intestino consegue absorver apenas cerca de 10% desse mineral contido no cereal, se, no entanto, o feijão for acompanhado de uns bons goles de suco de laranja ou qualquer fruta cítrica, a história será diferente. "As moléculas de vitamina C do suco dão uma espécie de empurrão para o ferro de origem vegetal entrar no organismo", explica Fizberg. "Assim, sua absorção pode chegar a 40%."
A vantagem das carnes: As carnes são diferentes, pois estão entre as melhores fontes de ferro e, nesse caso, as moléculas do mineral não precisam da ajuda da vitamina. Mas, pelo crescimento das anemias, tudo indica que as carnes não estão chegando ao prato das crianças. Pelo menos, não na quantidade que chegava antigamente. 
Nós e a carência de vitaminas: Sarampo e doenças respiratórias. Outra carência que chama a atenção dos médicos é a de vitamina A. No Estado de São Paulo, 20% das crianças sofrem da sua deficiência. Nelas, essa falta não provoca apenas problemas oculares. Ela está relacionada à tendência a diarréias perigosas. "Nessas crianças, o sarampo é mais grave e as crises de doenças respiratórias costumam durar mais", diz Fizberg.
A falta de vitamina e as notas ruins: Há indicações de que essa carência também prejudica o Q.I., baixando o rendimento escolar. Por essa e outras razões, os pediatras receitam suplementos em gotas de vitamina A nos primeiros anos de vida.
As pistas fornecidas pelo sangue nos exames: Exames ao microscópio apontam os danos provocados pelos radicais livres. Indiretamente, os testes denunciam a necessidade de suplementos. Pois é a falta de vitaminas que permite a ação devastadora desses radicais.
Para os médicos ortomoleculares, como Wagner Fiori, gotas de sangue são como um prato cheio (ou vazio) de vitaminas. Tiradas de uma espetadela no delo , elas acusam a ação dos radicais livres e das vitaminas capazes de bloqueá-los. Primeiro, Fiori analisa o "sangue vivo" no microscópio.
A concentração dos glóbulos vermelhos e a movimentação das células de defesa já dão uma idéia do diagnóstico. A hora da verdade, porém, é a do sangue coagulado, que se altera nas doenças. No caso do câncer, ele apresenta enormes vãos entre as células vermelhas. São áreas destruídas pelos radicais livres. Áreas assim não aparecem em pessoas sadias.
Os alcoólatras - O alcoolismo é a maior causa de deficiência vitamínica no país. Doze milhões de brasileiros são viciados em bebidas alcoólicas. No seu organismo, as dosagens de complexo B são ridículas. Fica quase impossível extrair esse tipo de vitamina da comida, porque o álcool forma uma barreira no intestino. E as vitaminas B estocadas no corpo serão consumidas para degradar a bebida no fígado. Por isso, alcoólatras devem apelar para megadoses desse complexo.
Os fumantes: A molécula de vitamina C termina aniquilada pela de nicotina do cigarro, quando as duas se esbarram na corrente sangüínea. De um terço a 100% de toda a vitamina ingerida pode terminar inutilizada desse jeito. Por esse motivo, o fumante tem necessidades muito maiores desse nutriente do que os não-fumantes. No mínimo, ele precisa consumir o dobro, para manter o funcionamento normal de seu corpo. Infelizmente, essa compensação não diminui o risco de câncer no pulmão, como demonstram as estatísticas da doença.
Ainda assim, a vitamina C está sendo ligada à prevenção de outros tumores. Muitos cientistas suspeitam que a sua queda no organismo dos fumantes é uma boa explicação para o fato desses indivíduos serem mais sujeitos a tipos diferentes de câncer, como o de bexiga.
Os atletas: Ao suar a camisa, o esportista está perdendo muitas moléculas como a da vitamina B2. Na verdade, ele perde todas as do complexo B e a C, que se dissolvem na água do suor. 
"E, por ironia, elas estão entre as coisas que mais se precisa para manter a perfomance física", diz o nutricionista Sérgio Miguel Zucas, professor da Escola da Educação Física da Universidade de São Paulo. As vitaminas do complexo B e a C são importantíssimas para os músculos. "As necessidades impostas pelos treinamentos são maiores do que o normal", explica o especialista. "Por isso, o certo é os esportistas apelarem para doses dez vezes maiores dessas substâncias em relação à recomendação para não-atletas."
Os Idosos: Em comparação com os adultos mais jovens, as pessoas acima de sessenta anos devem consumir um terço a mais de vitamina B6, com o passar do tempo, o sistema nervoso passa a necessitar de doses maiores desse nutriente para continuar saudável. O reforço ajuda a manter a rapidez de raciocínio e a memória, e acrescentar exercícios físicos, melhora ainda mais a disposição para encarar o dia-a-dia. 
As Grávidas: Desde 1992, o Serviço de Saúde Pública dos Estados Unidos passou a recomendar cápsulas de B1 (o ácido fólico) para suplementar a dieta de mulheres grávidas ou que planejam ter filhos. A medida reduz pela metade o risco de se gerar crianças com defeitos congênitos. Isso porque ajuda a regular o desenvolvimento das células do embrião. Podemos encontrar o ácido fólico em diversos alimentos como alface, brócolis, tomate, rúcula, couve, caju, almeirão, acelga e espinafre, entre outros.
Saiba mais sobre esse mundo fantástico da Saúde em nosso Portal 
Revista Teen Boys e Girls|Sua vida mais completa!
TABAGISMO:A OUTRA FACE
Tabagismo pode estar ligado ao aumento de peso?
 Ao contrário do que muita gente pensa, fumar pode estar relacionado com o ganho de peso, e não com o emagrecimento. Um estudo feito na Universidade de Navarra, na Espanha, analisou dados de 7,5 mil pessoas com mais de 50 anos por um período de 4 anos. Foram avaliados o índice de massa corporal, a prática de exercícios físicos e o hábito de fumar dos participantes. Ao final da pesquisa, os cientistas chegaram à conclusão de que os não-fumantes ganharam menos peso do que os fumantes e os ex-fumantes. O grupo que mais engordou foi o de pessoas que fumavam mais cigarros por dia e largaram o hábito durante o estudo, seguido pelos fumantes que mantiveram o hábito.
O CIGARRO CAUSA IMPOTÊNCIA SEXUAL
Falar de tabagismo para o jovem é muito importante, pois, ainda no mundo, muitos fumam, e só se dão conta do que estão fazendo com seu corpo, interna e externamente, muito tempo depois.
A mídia e o cinema, tem muita culpa nisso, nos filmes, por exemplo, a mocinha ou o mocinho da história sempre eram fumantes, ou o inverso, o bandido, estereótipos que atrairam os jovens por muito tempo.
Hoje, a situação da mídia é diferente, já não tem mais aquele peso milionário, da indústria do cigarro, patrocinando, cinema, canais de TV, publicidade e comerciais entre outros. Além disso leis anti-fumo e campanhas nas próprias mídias, forram o mundo, nessa batalha contra o cigarro.
Saúde - Automedicação
Meu amigo toma cinco comprimidos de analgésico por dia há mais de um ano. O mínimo que ele toma são dois por dia. O que o uso de analgésico em excesso pode causar à saúde dele?
De médico e louco todo mundo tem um pouco. Por isso, muita gente não resiste à tentação de receitar um remedinho. É remédio natural, um comprimidinho para dor ou azia, o medicamento que a vizinha tomou quando caiu de cama com gripe, ou aquele famoso que se não fizer bem, mal não faz.
Essa prática comum não só entre os brasileiros está cercada de sérios riscos. Muitos dos tratamentos prescritos por pessoas não capacitadas podem ser extremamente perigosos. Todo o remédio pode apresentar efeitos colaterais indesejáveis e provocar problemas graves de saúde. O correto é procurar um médico e realizar um tratamento, a automedicação nunca, pois você pode vir a se tornar um dependente da droga(remédio) e prejudicar aumentando mais ainda o seu problema.
Revista Boys e Girls|Sua vida mais completa!


Corpo Perfeito|Estética Masculina
A questão da Estética Masculina é ainda, muita interessante, eu trouxe para vocês algumas informações sobre esse universo. Realizei esta pauta com todo carinho. Hoje em dia não só os homens, mas as mulheres, também, estão mais preocupadas, com as questões de saúde aliadas a estética corporal, do que no começo das academias, onde cultivavam uma proposta mais estética do que saudável. Muita coisa mudou de lá para cá. Alguns homens assumiram a vaidade de vez e deram um fim ao preconceito. Hoje ele se preocupa com a roupa que vesti, com seus cabelos, alimentação e até mesmo com a hora se barbear e se possui ou não todos os produtos certos para este fim e alguns chegam a tentar tratamento alternativo, como a cera quente...continua. Ah se tiver alguma sugestão de pauta aproveita o email e manda ok. Estou esperando! Participe! By Bel Peixe | Colunista RBG -BRASIL.
RTBG|Sua vida mais completa
Nutrição|Alimentação Saudável

Tags
 bolos tortas salgadas em breve
Revista Teen Boys e Girls |Sua vida mais completa!
Alimentação do Autista
Para quem não sabe, autismo é uma disfunção global do desenvolvimento. É uma alteração que afeta a capacidade de comunicação do indivíduo, de estabelecer relacionamentos e de responder apropriadamente ao ambiente.
São comuns problemas com a alimentação, os autistas normalmente desenvolvem alergias ou aversões a certas comidas. Cismam com determinados alimentos em certos períodos, geralmente gostam de alimentos mais secos e sólidos, não gostam de misturar alimentos no mesmo prato, tudo depende da negociação, fazer trocas para trabalhar esse comportamento que pode ser corrigido.
Há algumas dietas que estudiosos afirmam dar resultado, mas até o momento, nada foi totalmente provado. 
Após pesquisas constatei autistas que não se alimentavam sozinhos, até outros que comem por compulsão e também outros, que em determinados períodos, ficam muitos dias sem se alimentar, precisando até de intervenção. 
Lendo a 6ª edição do livro "Autismo Guia Prático", da autora Ana Maria S. Ros de Mello, vi que existe uma dieta, que tem como base, a exclusão do glútem e da cafeína da alimentação do autista. A caseína é uma proteína do leite e derivados.
O glútem é uma substância encontrada no trigo, cevada, centeio, aveia e derivados. Mas, este tipo de dieta, não pode ser feito sem o acompanhamento de um especialista, pois requer algumas medidas como encontrar um alimento que substitua o cálcio que está deixando de ser ingerido ao retirar-se o leite da dieta. Essa dieta, tem como função, melhorar alguns comportamentos específicos do autista.Tenho um irmão autista "Síndrome de Aspeger", ele não faz nenhum tipo de dieta e gosta de comer um alimento por vez, arroz e feijão, depois, salada de cenoura ralada e por último, filé de frango a milanesa. Ele prefere alimentos sólidos.
Gripe
A gripe é uma doença respiratória infecciosa causada pelo vírus Influenza, altamente contagiosa, e que ocorre mais no fim do outono, inverno e início da primavera, afetando milhões de pessoas a cada ano. Existem três tipos deste vírus: A, B e C. O primeiro pode infectar humanos e outros animais, enquanto que o B e C infecta só humanos. O tipo C causa uma gripe muito leve e não causa epidemias. Saiba mais na Seção Saúde.
O Influenza tem um revestimento que se modifica constantemente e faz com que o organismo tenha dificuldade para se defender, ficando difícil desenvolver vacinas. Diferente do resfriado que, na maioria das vezes, se dissemina pelo contato direto entre as pessoas, o Influenza se dissemina, principalmente, pelo ar. Quando a pessoa gripada espirra, tosse ou fala, gotículas com o vírus ficam dispersas no ar por um tempo suficiente para ser inalada por outra pessoa.
Em menor intensidade, a doença se dissemina pela mão contaminada com o vírus na mão de um indivíduo sadio que se contamina ao levar a mão à boca ou ao nariz. Um dia antes de a pessoa sentir os sintomas da doença, já podem contagiar outras. A gripe normalmente acaba de forma natural depois de dias, resultado da capacidade imunológica de cada indivíduo. É recomendável descansar bastante, se alimentar bem e procurar orientação médica.
SINTOMAS
Tosse, espirros, febre, dores pelo corpo, coriza ou nariz entupido, irritação de garganta, suor excessivo, calafrios, cansaço.
DICAS
- Evite contato com pessoas gripadas;
- Não toque em objetos manuseados por essas pessoas;
- Evite levar as mãos ao nariz e depois aos olhos ou à boca;
- Se estiver resfriado, para assoar o nariz, use lenços de papel descartáveis e jogue-os fora em lugar apropriado;
- Lave as mãos com frequência;
- Beba muito líquido. Com febre a pessoa transpira mais e a perda de fluídos pode causar desidratação;
- Prefira alimentos que contenham vitamina C;
- Tome banhos quentes: o vapor alivia a congestão nasal;
- Não fume;
- Tome chá com limão e mel;
- Mulheres grávidas, pessoas com histórico de úlceras e crianças não devem tomar antitérmicos e analgésicos sem ordem expressa do médico;
- Nos idosos, a fraqueza causada pela gripe poderá durar várias semanas.
A melhor maneira de se proteger da gripe é fazer a vacinação anual antes de iniciar o inverno, época em que ocorrem mais casos. Ela pode ajudar a prevenir os casos de gripe ou, pelo menos, diminuir a gravidade da doença.
Sua efetividade entre adultos jovens é de 70% a 90%. Cai para 30% a 40% em idoso muito frágil isso porque estes têm pouca capacidade de desenvolver anticorpos. Contudo, mesmo nesses casos, a vacinação conseguiu proteger contra complicações graves da doença como hospitalização e morte. A imunização deve ser feita por todos que são mais expostos à gripe.
GRUPOS DE ALTO RISCO
- Crianças com menos de 2 anos;
- Idosos com mais de 65 anos. A maior parte das mortes causadas pela gripe é entre idosos;
- Qualquer pessoa que tenha uma condição médica crônica, como asma ou diabetes;
- Mulheres grávidas;
- Agentes de saúde;
- Pessoas que residem em asilos;
NÃO VACINAR
- Pessoas que tiveram uma reação prévia a esta vacina contra a gripe;
- Pessoas que já tiveram uma reação alérgica a ovos de galinha (que é utilizado na produção da vacina);
- Indivíduos que tiveram uma desordem caracterizada por paralisia chamada de Síndrome de Guillain-Barré;
- Pessoas com alguma doença febril atual.
Efeitos colaterais graves são raros, mas muitas pessoas se queixam de sintomas de gripe fraca, inclusive febre, dores pelo corpo e cansaço. Os efeitos colaterais geralmente começam algumas horas após receber a vacina e podem durar cerca de dois dias.
Procure o médico imediatamente se os sintomas de gripes não desaparecerem em no máximo 10 dias ou na ocorrência de febre alta, tosse intensa, falta de ar, respiração difícil, expectoração marrom ou esverdeada, pescoço rígido, dor forte de cabeça, erupção cutânea, dor de garganta, gânglios inflamados e diarréias em crianças. Esses sintomas podem sugerir complicações mais graves, como infecções bacterianas, meningites, sinusites e pneumonias.
Meningite
Meningite é a inflamação das membranas que recobrem o cérebro e a medula espinhal, podendo ser causada por bactérias, vírus, fungos, protozoários e outros. Geralmente está associada a um quadro infeccioso respiratório –podendo ser viral ou bacteriano – otites, amigdalites, trauma cranioncefálico. Estados de imunossupressão, como aqueles desencadeados pela infecção pelo HIV, podem tornar o indivíduo mais suscetível a apresentar este tipo de doença, principalmente quando a meningite for desencadeada por fungos ou protozoários. A meningite meningocócica é uma das que causa maior impacto na população, pelo potencial de acometer de forma rápida e fulminante pessoas saudáveis, na sua maioria crianças, e pelo risco de desencadear epidemias. Estima-se a ocorrência de pelo menos 500 mil casos de doença meningocócica por ano no mundo, com cerca de 50 mil óbitos. Com evolução rápida, a meningococcemia pode ter letalidade de até 40%. Geralmente acomete crianças e adultos jovens, mas em situações epidêmicas, a doença pode atingir pessoas de todas as faixas etárias.
No Brasil, a doença é endêmica com casos esporádicos durante todo o ano, principalmente no inverno, com surtos e epidemias ocasionais. As maiores epidemias registradas no País ocorreram na década de 1970; nos últimos 20 anos foram notificados, no Brasil, cerca de 80 mil casos.
SINTOMAS:
✔ Cefaleia intensa, náuseas, vômitos em jato, rigidez de nuca e certo grau de confusão mental. Também há sinais gerais de um quadro infeccioso, incluindo febre alta, mal-estar e até agitação psicomotora.
✔ O médico faz o diagnóstico pela história e exame físico completo do paciente. A confirmação diagnóstica das meningites é feita pelo exame do líquor, o qual é coletado através de punção lombar.
DICAS:
✔ A meningite meningocócica é causada pela bactéria meningococo, que vive no nariz e na garganta, mas a maioria não fica doente (portadores assintomáticos).
✔ A transmissão direta pode ser por meio de contato íntimo, como o beijo ou através de secreções expelidas pela fala, tosse ou espirro.
✔ A transmissão indireta, por intermédio do ar ou de objetos, praticamente não existe. O meningococo não resiste à umidade, ao oxigênio e às mudanças de temperatura. Também não sobrevive mais do que alguns minutos fora do organismo. Por isso, não é necessário desinfetar ou interditar o local, sendo suficiente mantê- lo limpo e arejado.
✔ Para evitar estas e outras doenças de transmissão respiratória como resfriado, gripe etc, é preciso evitar aglomerações e locais fechados, sem ventilação.
✔ Nas crianças menores nota-se irritação, choro constante e abaulamento da fontanela (moleira alta).
✔ É importante diagnosticar a doença o mais rápido possível e iniciar o tratamento imediatamente. Quanto mais cedo, maiores as chances de cura. A maioria dos casos tem cura, sem deixar sequelas.
✔ Quando surge um caso de meningite meningocócica, as secretarias municipais de Saúde fornecem medicamentos contra o meningococo às pessoas que convivem com o doente, já que elas podem ser portadoras assintomáticas. Assim que inicia o tratamento, o doente deixa de ser fonte de infecção.
✔ A meningite meningocócica é contagiosa e pode causar epidemias. Mas a princípio é uma doença endêmica, isto é, sempre existem casos. Só que o número de casos é maior durante o outono e o inverno.
✔ Quando o número de casos de meningite (só do tipo meningocócica) atinge níveis de epidemia é indicada uma campanha de vacinação e a vacina deverá ser liberada pelo Ministério da Saúde, após avaliação do cenário.
✔ O fato de ocorrer um caso de meningite numa escola não significa que o transmissor foi um aluno. Pode ter sido qualquer pessoa que teve contato com o doente.
✔ A primeira coisa a fazer é procurar um médico, ou posto de saúde ou o hospital mais próximo, sem perda de tempo.
✔ Entrar em contato com o centro ou posto de Saúde mais próximo, para saber se o caso já foi notificado e solicitar orientação.
✔ É fundamental evitar o pânico entre os professores, alunos, pais e responsáveis e solicitar a presença de profissionais de saúde para os esclarecimentos necessários.
Dr.Leo Kahn
Endocrinologista e Cirurgião Plástico
Colunista do Diário do Grande ABC
Faça sua pergunta, para nós da RTBG|Sua vida mais completa!, ela é muito importante, deixe sua postagem ou envie email. que teremos a maior satisfação de respondê-lo.











Categories: